Serviço remove suas fotos íntimas vazadas na internet

Cada vez mais mulheres sofrem com a Vingança pornô, um tipo de violência que não causa sofrimento físico, mas que pode abalar o psicológico e destruir uma vida inteira.

leakserv---porn-revenge---mulher-chorandoA vingança pornô é o vazamento de fotos ou vídeos íntimos por um ex namorado ou ficante, que libera as fotos que lhe foram confiadas logo após o término do relacionamento. Amigas maldosas e pessoas que pegam o celular emprestado também estão na lista dos que disseminam as fotos sem permissão.

Além disso há casos de aparelhos roubados ou hackeados onde as fotos também vão parar na rede por pura diversão de quem as encontrou.

Até o momento não havia nada a se fazer, se um vídeo ou foto íntima caísse na internet ele rapidamente se disseminaria e as consequências nada agradáveis chegariam até você.

fim da vingança pornô - end revenge porn

Foto via: endpornrevenge.org

 

No entanto uma empresa sueca chamada LeakServ criou um serviço inovador que promete remover todo o material compartilhado sem a sua autorização, inclusive dados pessoais.

Para isso basta indicar quais são os conteúdos que deseja eliminar e uma equipe de rastreio e monitoramento avançado entra em ação. Eles identificam onde o material está hospedado e em seguida emitem avisos DMCA (Dgital Millennium Copyright Act), exigindo que o distribuidor remova-o e garantindo também o bloqueio do site nas ferramentas de busca.

Ao fazer isso a distribuição do conteúdo é interrompida e a disseminação é contida.

O serviço é pago e custa US$ 69,00 por mês para o acompanhamento de até 10 conteúdos ou US$ 199,00 por mês para rastrear até 50 conteúdos. Ambos os serviços oferecem todas as remoções de conteúdo por dia, suporte completo, remoção de conteúdo de mídia social e desmontes dos serviços de busca.

Apesar de ser um serviço caro para quem mora no Brasil, a vingança pornô pode custar um preço muito mais alto para quem sofre com ela, inclusive o fechamento de portas no meio profissional e julgamento de pessoas em todos os ambientes de convívio, obrigando-a a ficar em casa com o seu sofrimento.

Melhor do que pagar pelo serviço é prevenir para que nada disso aconteça, assista ao nosso vídeo 9 dicas para mandar nudes de forma segura.

 

Foto em destaque via HypeSciencie
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário <3